Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Sentaqui

"A maturidade permite-me olhar com menos ilusões, aceitar com menos sofrimento, entender com mais tranqüilidade, querer com mais doçura." (Lya Luft)

Sentaqui

"A maturidade permite-me olhar com menos ilusões, aceitar com menos sofrimento, entender com mais tranqüilidade, querer com mais doçura." (Lya Luft)

Machu Picchu

IMG_4605.JPG

 Quando visitei o Peru o ponto alto da viagem foi sem dúvida visitar Machu Picchu, um local mágico e monumental, que impressiona, dada a dimensão das construção em sucalcos em que os Incas foram os principais mestres.

Perguntei-me, como conseguiram levar pedras de um tamanho descomunal tão alto e tudo ordenado.

IMG_4618.JPG

 Nada está ali ao acaso, tudo tem um significado e cada pedra tem uma história.

A 9 de Novembro de 2011 embarcámos num comboio até à base e iniciámos a subida. 
O espanto era uma constante à medida que subíamos e apreciávamos aquela formação geológica, santuário dos Incas, só descoberto em 1911 pelo Dr. Hiram Bingham.

IMG_4580.JPG

 Gostámos tanto que fizemos a subida duas vezes e chegámos aos 2400m de altitude no segundo dia.

Tivemos visita guiada, mas sinceramente não me lembro de tudo, só o meu olhar gravou cada pormenor que me deixou extasiada.

Outros turistas andavam por ali, mas dado o número controlado de visitantes não haviam atropelos.

IMG_4586.JPG

Até uma modelo andava ali a ser fotografada a acenar com duas bandeiras, mas não cheguei a saber o significado.

IMG_4589.JPG

 As pedras que falam e que tinham um significado especial, esta era um túmulo.

IMG_4457.JPG

Não sinto que valha a pena dizer mais nada, as imagens falam por si.

IMG_4395.JPG

IMG_4601.JPG

IMG_4679.JPG

 Parei lá bem no alto, sentei-me e senti uma energia muito especial, daquelas que acalmam e que nos fazem sentir no céu.

E em vez de ficar sentada aqui como é costume, apeteceu-me deitar, relaxar e agradecer

IMG_5023.JPG

 

Paris, toujours Paris

IMG_2331 (1)

 Já visitei Paris pelo menos 3 vezes e não me importava de lá voltar muitas mais.

A primeira vez foi um autêntica aventura.
Eu e uma colega, que nunca tínhamos viajado sozinhas, tirámos quatro dias e a medo lá fomos.
Tudo bem estudado, escolhemos o que gostaríamos de visitar; sabíamos de antemão que nunca veríamos tudo.
Toda a gente nos avisava que o mais difícil era andar de metro, curiosamente saímo-nos muito bem.

IMG_1439

 Logo no aeroporto tivemos um encontro inesperado que nos ajudou imenso nos embarques e desembarques, por coincidência, encontrei uma amiga que ia de quinze em quinze dias a Paris. Parte dos problemas e medos foram logo postos de parte.

Fomos colocar as malas no hotel e à noite fomos jantar com ela, aliás a única noite em que saímos.
Entrámos logo na primeira igreja que encontrámos, bem bonita por sinal, mas nem me lembro do nome.
Pensámos em ir de imediato para o Louvre.
Como não tínhamos almoço, arranjava um farnel à sucapa ao pequeno almoço, só uma vez nos atrevemos a comer um cachorro horrível que nos custou na época 500 escudos..um horror.
Quando entrámos no Louvre vimos que era tão grande que quatro dias não chegavam para ver tudo. Decidimos vê-lo a correr para ficarmos com uma ideia. O museu D`Orsey cativou-nos, mais pequeno e acolhedor. Exposições no Petit Palais e no Grand Palais, foram um deleite para os olhos.

IMG_2063Anos mais tarde voltei lá com uma amiga francesa residente em Portugal e que tinha lá família, aí sim, as visitas foram bem diferentes, e saíamos todas as noites.

 Subi à Torre Eiffel e ao Arco do Triunfo, vistas soberbas sobre a cidade.

IMG_1695

IMG_1706

Andámos de barco no rio Sena e deu para ver melhor toda a cidade.

Um espectáculo no Lido foi um dos pontos altos da visita.
Como falava bem francês alguém me perguntou há quantos anos estava em França, fiquei vaidosa, como não podia deixar de ser.

Subir ao Sacré Couer foi lindo demais.

IMG_1645 (1)

 Sentar numa esplanada, comer uma guloseima e observar a elegância dos e das francesas foi mais uma diversão.

IMG_1304.JPG

 

Montras lindíssimas e roupa cujo preço não eram para o meu bolso, mas pronto,não se pode ter tudo.
Felizmente nessa época podia-se circular à vontade sem ter medo de atentados e hoje sentada aqui penso um dia voltar, porque Paris é uma cidade romântica e muito especial.

IMG_1879Nessa época ainda não tinha uma máquina xpto, apenas uma pequena Olympus que serviu muito bem., pena que tenha perdido muitas fotos que adorava.

Mais sobre mim

imagem de perfil

Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2014
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2013
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2012
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2011
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2010
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D